Somos donos de nossos atos

Somos donos de nossos atos


Somos donos de nossos atos

Mas não somos donos de nossos sentimentos. Somos culpados pelo que fazemos, mas não somos culpados pelo que sentimos.